Portugués (Portugal)
  • Testemunho da Zâmbia

    Há uns dias começámos a dar as nossas aulas na escola de Twayuka, no 4º ano (i.e., crianças de 7-8 anos). Preparámos uma aula de matemática, mais visual e prática, juntamente com as crianças, e observámos algumas dificuldades no ritmo de trabalho. Realizamos uma avaliação de tudo para ir melhorando e podermos ajudar com mais tarefas.

  • Retiros Povinciais

    Decorre de 11 a 17 de julho em Valladolid um dos diversos retiros provinciais previstos para este tempo de verão. Os temas de fundo são o recente documento sobre a Identidade e missão do religioso irmão na Igreja e as prioridades provinciais, em particular. a que vai mais diretamente dirigida aos Irmãos: Alentar a vida pessoa e comunitária dos Irmãos, cuidando-a, enfrentando as dificuldades e oferecendo, a todos os níveis, experiências que a multipliquem..

  • Faleceu o Ir. Victoriano

    O Ir. Victoriano nasceu em Figaredo (Astúrias) no dia 9 de março de 1926. Entrou no Juvenato de Tui em 1940 e no Noviciado, também em Tui, em 1942. Fez os seus primeiros Votos, ainda em Tui, em 1943 e a sua Profissão Perpétua na Corunha em 1948. Exerceu a sua atividade apostólica em Vigo, León, Madrid, Palência, Orense, Corunha e Oviedo.

    O velório será no Colégio Champagnat de León, a partir das 9h00 de quarta-feira, dia 13 de julho.

  • Notícias da Zâmbia

    Depois de uns dias em Chibuluma, vivendo com a Comunidade de Irmãos e começando a compreender melhor o país, as nossas voluntárias na Zâmbia iniciaram a sua atividade na escola de Tuayuka, onde receberam um caloroso acolhimento por parte dos alunos e dos professores. De momento a saúde e os ânimos estão no auge. A foto é de uma visita durante o fim de semana à feira internacional de Ndola, com a nossa cooperante Lucila, Irmãos e professores do Skill Center.

  • Reflexões das Honduras

    Depois de dez dias passados nas Honduras, o nosso grupo de voluntárias partilha as suas impressões sobre a experiência. Estes dias em Horizontes al Futuro são um pouco diferentes da rotina habitual. A maioria dos rapazes estão de férias… na semana do estudante. Contudo, mesmo assim, há várias crianças pequeninas e “médias”, e também estão cá os mais velhos que trabalham nas oficinas de mecânica e se dedicam aos trabalhos práticos.

    Páginas